terça-feira, 25 de março de 2008

os meus avós


Há uns dias pensava na pessoa ingrata que sou. Os meus avós sempre me elogiaram e nunca lhes dei um unico desenho meu. Achei que fazer um retrato deles era uma forma de mostrar o carinho que lhes tenho. Pensei também no remorso que sentiria se eles morressem e eu não lhes desse este retrato.
A verdade é que quando o terminei senti um grande alívio e satisfação.
Quando mostrei o desenho ao meu avô ele deu-me um beijo com a lágrima no olho e agradecendo sorriu como uma criança.